31 dezembro 2011

BOM ANO!



Que todos vocês consigam neste novo ano aquilo que mais desejam e que há muito procuram! ;)

O melhor (dia) do meu ano!





Aquele em que andei sozinha em Moscovo!
A sensação que tive nesse dia vai ser a minha inspiração para o novo ano...

30 dezembro 2011

Se se procurar bem...







Pedaços do meu "jardim" (que na verdade é mais um terreno cheio de erva).

Em casa de pijama

mas a coçar-me por dentro com tantas coisas que eu devia estar a fazer!!

29 dezembro 2011

Mulher decidida!


Hoje fui almoçar sozinha. Como não tinha ninguém comigo e ninguém me estava a "controlar"  pensei "vou comer o que bem me apetece" e hoje apetecia-me tanto comer McDonald´s.

O que é que eu almocei na realidade??

Peixe!

Novo!


A prenda do meu Natal...

Dias



Ontem não foi um dia agradável. Foi descoberto à minha prima mais velha um cancro no estômago e então passei grande parte do dia com ela no hospital.

Por volta das 17 horas fui "almoçar" a um lugar recente aqui pertinho e muito agradável que tem umas frases fantásticas pela parede fora. Aqueles minutos de sossego foram muito bom, de mim para mim mesma.

Ás 18 já estava a fazer um trabalho de grupo para a faculdade...

As aulas estão quase a começar e sinto que não fiz nada, não aproveitei nada, não estudei nada :(

27 dezembro 2011

Para quem me conhece


Não, eu não estou longe, eu não esqueci ninguém, eu não estou a ser egoísta e nem desisteressada das vossas coisas/problemas/alegrias. Desculpem, estou só um bocadinho ausente, num casúlo, tal como já estive um vez, aquela vez que tive de virar o mundo ao contrário.

Não sei como vou sair, mas preciso disto sim?
Está mais frio no meu quarto do que na rua... será possível???

Hoje durmo lá fora!

26 dezembro 2011

"CADA SONHO QUE DEIXAS PARA TRÁS, É UM PEDAÇO DO TEU FUTURO QUE DEIXA DE EXISTIR".

Steve Jobs

Velhos hábitos


Tenho de estudar, mas hoje vou ler. Estou a precisar tanto de ganhar este hábito de leitura.
Continuo fã do Zafón!

Matar saudades

Neste Natal ainda consegui fazer o gosto à mão e lá fiz esta caixinha para oferecer...

Arrumar gavetas


Hoje arrumei todo o meu armário, tirei e dobrei peça por peça. Fi-lo para ter tempo para pensar, achei que assim poderia arrumar as minhas próprias gavetas cá dentro também.
Percebi que acima de tudo preciso de espaço, de um espaço maior na vida não só para as minhas coisas mas para mim mesma.

Ando a lutar contra mim mesma nos últimos dias e não está a ser fácil. Ando à procura de coragem, de arrumação, de luz lá no fundo, de uma luz!!

Quando tenho medo de alguma coisa, e tenho muitas vezes, apetece-me muito ligar a alguém que me faça sentir melhor, que me faça sentir protegida e acima de tudo que me diga que tudo vai ficar bem.

Hoje tive medo muitas vezes e consegui não ligar a ninguém.

25 dezembro 2011

Agora sim a vida está normal. Discussão no dia de Natal!
É a isto que eu estou habituada...

:(

Puff!!!


Se como... não não, se cheiro mais um quadradinho de chocolate que seja, vou transformar-me num cocktail molotov humano de açúcar!

Contagem decrescente


Quando se aproxima o fim do ano fico sempre mais pensativa. Faço uma espécie de balanço do que foi o ano e do que eu desejava que tivesse sido. Percebo que esteve sempre muito longe do que eu queria que tivesse sido.
A culpa é minha, atribuo sempre esta culpa à minha falta de coragem.

Este ano vou ter de a ter, já não posso adiar mais o que tem de ser feito, não posso adiar mais viver a vida em fez de ficar refugiada em não sei quê.

Este ano vou ter de me atirar de cabeça e não pensar, só assim acho que serei capaz.

Este ano, coragem procura-se!

Já foi!


E passou o Natal. Nunca pensei dizer isto, mas foi bom ele ter passado rápido.
Já não sei bem o que é o Natal, o espirito dele, mas este foi calmo ao contrário do que eu temia. Houve um momento ou outro muito bom até, mas todos eles relacionados com os meninos.

Passou, é o que interessa.

22 dezembro 2011

Parece que é Natal!

Porque se houve a música, porque se vê a decoração na rua, porque tenho árvore de natal em casa... mas cá dentro já não sinto o Natal como sentia antes.

Espero apenas para ver o brilho dos olhinhos dos meus sobrinho quando abrirem as prendas, mas até lá espero que já não haja mais ninguém doente, que não haja mais zangas de família, e especialmente que me sinta em paz com tudo e com todos.

Dizem que é Natal, mas falta-me qualquer coisa para o ser.

Mas isso sou eu, por isso desejo a todos o melhor Natal do mundo e tudo de bom!

BOAS FESTAS

Apetece-me tanto...


comer sushi!

Saudade






de andar na rua e tudo parecer uma obra de arte!

19 dezembro 2011

De Stijl

Há uns anos atrás, quando fiz um Curso de Multimédia, tive uma cadeira de Design. Certo dia tivemos que fazer um trabalho sobre uma corrente de Design e lá tiramos à sorte... a mim calhou-me DE STIJL.

Não altura eu não fazia a sombra de ideia do que seria isso e foi então que descobri o Piet Mondrien, pintor que acabei por apreciar muito. Um senhor obstinado por cores primeria e só pintava linhas paralelas. Nada de círculos nada curso.
Tão obstinado ao ponto de na rua não dobrar a esquinha senão em linha recta de 90º.

Hoje por acaso encontrei estas imagens... e lembrei-me dele. Acredito que seja dos pintores mais utilizados no muito para estampas e coisas sem fim como o bolo que achei fenomenal!







18 dezembro 2011

A paixão é mesmo assim...

Descobri e amei!

16 dezembro 2011

Um dia


Gostava muito de um dia destes, ou um ano destes, ou até mesmo algures na minha vida, ter tempo para no Natal dar prendar só feitas por mim (pronto, se calhar não todas todinhas), mas pelo menos aos meus amigos dar coisas que eu tivesse feito (e sim seriam coisas com jeito e não dois pauzinhos colados um ao outro e dizer que era arte!!).

Gostava, pronto!

Ah e tal férias


Mas peguem lá e vejam se fazem os exercícios... nas férias!!

Desta vez não escapam


Estreou ontem o Filme Missão Impossível 4.
Quero ir ver o filme por causa das cenas em Moscovo (mas cheira-me que não vão ser afinal tantas assim).

O importante mesmo é que deste vez não quero saber, as picocas vêm comigo ver o filme. No outro dia no circo, descobri como é reconfortante! (Nada reconfortante é o preço delas, incrível, deve dar para comprar 30 sacos de milho, mas enfim...).

Dica


Já agora e para quem gosta de chocolate quente de comer à colher... já podem parar de juntar leite e açucar e farinha para ele engrossar e todas essas coisas.

Este pacote milagroso contem chocolate em pó que basta tão somente dissolver no leite e mexer mexer mexer até ele engrossar...

Aquecer a alma


Há alguma coisa melhor, do que estar em casa, debaixo de uma manta quetinha, depois de um daqueles dias que nos massacram a cabeça, a ouvir a chuva a cair lá fora e a comer daquele chocolate quente de comer à colher?

Há??

15 dezembro 2011

É que se for falar


... é só de aulas!

Tristeza.

Pasmaceira

Será possível que parece que nada de interessante acontece para que eu possa escrever aqui...

Raio de aulas que nem me dão tempo para acontecerem coisas!!!

12 dezembro 2011

O que faz uma jovem como ao Sábado à tarde?


Pega nos sobrinhos e vai ao circo... debaixo de uma chuva impossível (porque os meninos querem ir ao circo pois claro!!).

07 dezembro 2011

Carago...

"As raparigas do Norte têm belezas perigosas, olhos verdes-impossíveis, daqueles em que os versos, desde o dia em que nascem, se põem a escrever-se sozinhos.

Têm o ar de quem pertence a si própria. Andam de mãos nas ancas. Olham de frente. Pensam em tudo e dizem tudo o que pensam. Confiam, mas não dão confiança.

São mulheres que possuem; são mulheres que pertencem. "


Miguel Esteves Cardoso

E porque nem só de coisas boas é feito um blog

Hoje foi o meu pior dia académico... quiçá escolar!

06 dezembro 2011

Porque é que viajar é bom? (II)


No outro dia estava no cinema e mostram o novo filme da Missão impossível, e é onde??

MOSCOVO!!!

Ora, é muito estranho ver esta cena do Kremlin a ir pelos ares, e reconhecer todas as ruas onde ele andou na Praça Vermelha! Eu estive ali (foi o que me apeteceu dizer à pessoa que estava sentada ao meu lado no cinema, como se eu fosse a única pessoa que alguma vez lá foi).

A sério... é tão bom viajar!

Porque é que viajar é bom?


No outro dia andava a ver um site da National Geografic quando me deparei com esta foto e fiquei muito excitada porque imadiatamente reconheci este lugar.

É a Bondi Beach em Sydney na Austrália, e lembro-me perfeitamente do dia que passei por aqui, lembro-me da piscina e de como uma menina nadava qual atleta olimpica para lá e para cá naquela gigantesca piscina.

Trouxe-me memórias dessa viagem...

É tão bom viajar...

Era bom era!


Daqui

05 dezembro 2011

Bem vs Mal

O que eu estou a fazer!



O que eu devia estar a fazer!


Dias de chuva


É assim que andam os dias por cá. Às vezes até me esqueço como gosto destes dias, se bem que só gosto quando aliado a este pensamento vem também uma lareira e um sofá com um cobertor quentinho, mas ainda assim gosto.

Infelizmente ainda tenho aulas até às 23h. (ou não, as segundas são um bom dia lá na faculdade...).