17 março 2012

Coisas de "mãe" (tia)


Hoje e para que os meninos (meus sobrinhos) não fiquem sempre fechados em casa, resolvi levá-los a ver esta exposição.

Fui com um amigo, eles são dois e eu gosto de os ter sempre debaixo de olho e não é fácil.

Mesmo assim e numa fracção de segundo, um desvio de olhar, um dele queimou-se em dois dedos numa lâmpada. Não fazem ideia o que ele chorou e de como ficou o meu coração por o ver chorar.

Ficou tudo bem no fim, depois de ir à farmácia e perceber que não era nada demais, mas como é óbvio doía-lhe muito :(

Ele ficou bem, e já nem se queixava para o fim do dia, só queria mesmo era ter uns pensos nos dedos, por qualquer coisa tem de levar um penso...

Não acho que seria capaz de ser mãe. Se pelos meus sobrinhos o meu coração já vive fora do meu corpo desde que nasceram, não sei como seria com um filho.

Sem comentários:

Enviar um comentário