31 julho 2012

Desperdício de vocação


Ontem, quando fui ver a casa, resolvi ir a pé, como era perto e tal... sempre vi-a como era o caminho até lá, quando tempo fazia etc.

Para lá de meio do caminho achei que estava atrasada e vai daí comecei a andar a passo rápido e não é que quando dei por mim já ia a correr!!

Será que a minha vocação era ser a próxima Rosa Mota e atirei-a pela janela?

Por falar nisso, hoje não vou correr e estou triste por isso (e ontem não me apetecia ir e fui contrariada. Nunca estamos bem mesmo!).

Está para breve


Quando Deus fecha uma porta




às vezes pode ser que é por ela não ir dar a lado nenhum, como esta que eu descobri hoje aqui onde trabalho.

Fizeram um edifício colado ao nosso e abriram esta porta lá no alto que certamente será muito útil... não sei é para quem ou para quê.

Boa maneira de acabar o dia


Jantarzinho com a malta do trabalho em casa de um deles.... oh maravilha! :)

30 julho 2012

Why is that?


Curiosamente, os dias em que mais me custa ir correr, e em que menos me apetece, são aqueles em que corro mais... porque será?

Assunto casas



Voltei à estaca zero.

O T0 que vi era lindo mas muito pequeno. Este T1 kit era maiorzito qualquer coisa mas nem se comparava. Acho que alguma coisa morreu lá dentro e ninguém deu por ela... e nem cozinha equipada tinha.

Enfim... a busca continua com outros debaixo de olho.

Searching... II


Lá vou eu ver mais uma casa.

Até já...

Queen


"Somehow I have to make this final breakthru . . . now!"

Hoje apetece-me ouvir isto!

29 julho 2012

Ser positiva


Parece que quando não andamos a lutar contra todo o universo, ele também não fica contra nós!

27 julho 2012

Hoje é dia!

Searching...


Tenho uma boa lista de casas para ver.

Acho que deste lote sai a minha... gostei de tantas!

26 julho 2012

Sem ar

Hoje não sei o que tenho, sinto-me literalmente sem ar, até me custa respirar. Parece que tudo cá dentro está apertado.

Preciso de uma mão para me segurar. Bastava uma!

"Is anybody out there"

Estou a precisar de ajuda.

Alguém por favor...

25 julho 2012

Amigo

(latim amicus, -i)
adj. s. m.
1. Que ou quem sente amizade por ou está ligado por uma afeição recíproca a. = COMPANHEIROINIMIGO
2. Que ou quem está em boas relações com outrem.INIMIGO
3. Que ou quem se interessa por algo ou é defensor de algo (ex.: amigo dos animais). = AMANTE, APRECIADOR
s. m.
4. Pessoa à qual se está ligado por relação amorosa. = NAMORADO
5. Pessoa que vive maritalmente com outra. = AMANTE, AMÁSIO
6. Pessoa que segue um partido ou uma facção.. = PARTIDÁRIO
7. Forma de tratamento cordial (ex.: venha cá, amigo, que eu ajudo-o).
adj.
8. Que inspira simpatia, amizade ou confiança. = AMIGÁVEL, AMISTOSO, RECONFORTANTE, SIMPÁTICO
9. Que mantém relações diplomáticas amistosas (ex.: países amigos). = ALIADOINIMIGO
10. Que ajuda ou favorece. = FAVORÁVEL, PROPÍCIOCONTRÁRIO
 

Josh Krajcik



Não sou muito de acompanhar estes programas (este é o X Factor USA), mas ontem ouvi este jovem cantar esta música...
Fiquei arrepiada!

"Quase"


Ontem corri durante 1hora e 43minutos (5 foram de aquecimento).

Sim eu corri 100 minutos ontem e em toda a minha vida o máximo que tinha feito eram 60 minutos. Por isso mesmo ontem resolvi eliminar a palavra "quase" do meu dicionário, porque achei que quase que ia conseguir, quase que era capaz, quase que chegava e corri, fiz e cheguei!

Quando me imponho metas, percebi que as cumpro e não "quase" as cumpro.

Saí daqui a achar que não era grande dia, que não me apetecia... pois nós é que fazemos a diferença, e de um dia em que não me apetecia fiz um dia em que fiz história (para mim!!).

Se ontem estava orgulhosa de mim, hoje estou a dobrar (já que fiz a ida e a volta sempre em corrida!) :)

24 julho 2012

Está na hora de sair para correr, e já estou a sentir que hoje não é dia... raios partam!

E esta, hein?

Corridinha


Ontem fui capaz de correr toda esta distancia sem parar uma única vez. Freixo / Afurada.

E sim, é só para dizer que estou orgulhosa de mim...

Brincadeiras para levar a sério


A anúncio dizia:

Procura-se exploradores para ilha paradisíaca. Duas semanas de «trabalho», 10 mil euros de salário.


E o que começou como uma brincadeira no Facebook vai acabar numa inscrição a sério. Eu e mais 4 amigos (igualmente loucos) que alinharam nisto, vamos tentar a nossa sorte.

Porque não??

Criatividade é...

Casas: Sonho / Realidade

O que se idealiza

A realidade
Ontem lá fui ver a casa (foram duas na verdade). Não eram propriamente um "aido" mas... porque raio não metam as fotos verdadeiras nos sites para uma pessoa saber logo ao que vai!!!

A busca continua...

23 julho 2012

Lá vamos nós


Ando chateada, aborrecida e com vontade entre não fazer nada ou coisa nenhuma!
Mas como o tempo não pára à espera que o meu humor fique melhor, hoje vou ver a primeira casa da minha lista para alugar.

20 julho 2012

Crianças

Uma amiga ofereceu-me um caderno muito giro cheio de cor... (uma coisa!), como presente atrasado de aniversário.

Mostrei-o a um dos meus sobrinhos, que pegou nele e disse:

"ó tia, ela só te deu isto??".

Com a cabeça na lua?

Afurada
Ontem fui caminhar como sempre, mas não sei o que raio tinha que nem de correr fui capaz.
Sentia como se a minha cabeça estivesse noutro lugar qualquer e o meu corpo estivesse em automático.

Posso dizer que foram 2 horas quase penosas, parecia que o caminho não tinha mais fim.

19 julho 2012

Barrem-me a entrada em livrarias faxabor


Tenho 15 livros (sim eu disse QUINZE) livros em fila de espera para serem lidos, mas o que fazer quando se entra numa loja e há um novo livro do Zafón à venda??

Comprá-lo pois claro, foi mesmo isso que eu fiz...

Desenho do dia

Amigos destes

Um dos meus amigos/colega de faculdade precisa que o ajude e estudar direito para o exame, a conversa foi a seguinte:

- Podes ajudar-me na quinta? A que horas?
- Eu tenho é de ir correr, podia ser depois... mas chegar a casa, tomar banho, jantar e ir ter contigo, antes das 23h não estou em tua casa...
- Por mim pode ser!!
- Não pode ser antes de eu ir correr, senão tenho de fazer tudo à pressa para ir ter contigo e não estudamos nada...
- Não me dá muito jeito...
- Eu posso tentar ir correr mais cedo pronto... mas... enfim, só se tiver mesmo de ser!
- Pronto, tu vês, mas era o ideal para mim...
- Mas porquê, marcaste coisas a essa hora é??
- Não, é que assim ficava mais tempo na praia...
 - #/#(%(/&(/?=/»=)/»=/»=/»(/)(/?(/»=&/&%$$&#%$"#$&"&$"$...

Sem comentários!

Coisas estranhas me acontecem



Ontem vinha eu na A28, nas calmas com a estrada quase vazia.
Há um carro aqui e ali, e eu dou pisca e ultrapasso um que ia mais devagar e vou seguindo à frente dele.

Estranhei ir taõ colado a mim, mas há gente que a conduzir não bate bem e não portanto.
A certa altura tenta ultrapassar-me e fica colado ao meu lado, não percebi se não tinha velocidade suficiente para passar ou se não queria, mas como não achei piada acelerei e segui.

Voltou para trás de mim e tenta passar pela direita agora, mas lá mais à frente estava um carro e voltou para trás de mim.

Não sabia se era homem ao mulher (mas achei que era mulher, que era maluca e que se estava a "picar" comigo!!).

Vai daí tenta novamente ultrapassar-me e coloca-se ao meu lado (aí eu pensei, tenho de ver pelo menos se é um maluco ou uma tolinhaque vai naquele carro) e olhei para ver quem é que raio ia la dentro...

Olho e está um rapaz (não é que interesse mas até era engraçado) no carro ao lado do meu, à mesma velocidade (e que eu não conhecia de lado nenhum, porque por esta altura podia ser um conhecido meu, mas não não era), todo sorrisos comigo?!!! Eu olho para o lado e só o vejo a sorrir-me como se me conhecesse.

Ó valha-me Deus, mas quem é esta criatura!!!

Ainda andamos alguns quilometros ( e ele ia dando sinal de luzes) até nos separarmos na estrada, e quando isso aconteceu ainda me deu mais um valente sinal de luzes.

Não gente, eu não tinha nada estranho no carro, nenhum farol fundido, nenhum gato colado atrás, nada que eu mal saí fui verificar.

Acho que há gente que é só mesmo maluca.

Voltar à normalidade


Ontem fui jantar em casa de uma amiga (com quem não estava à um par de meses por causa de chatices).

a) foi fantástico perceber que estava tudo na mesma.
b) o jantar foi sopinha e salada com vista para o campo
c) ESPETACULAR a salada!!!
d) ok ok houve gelado, nós merecemos...
e) ESPETACULAR o gelado que ela fez
f) recebi uma prenda de anos
g) ficar a conversar descontraídamente
h) É bom estar de volta "babe".

Ontem foi dia de...


almoçar sushi!

Ontem...

ontem foi um bom dia!

18 julho 2012

Hoje não há desenho! :(

Alguém me explica


Porque é que eu tenho uma queda só para as coisas difíceis?!

17 julho 2012

Calor e correr não combinam


Minha gente, não tenham a brilhante ideia que eu tive de sair para correr a minha teimosa distância sem parar debaixo de 30 e muitos graus. Foram dos 20 minutos mais penosos da minha vida... pareço mesmo tolinha. Sou mais teimosa do que inteligente tá provado!

True!

Desenho do dia

Para fazer alguém feliz...

... basta oferecer-lhe um quadradinho de chocolate negro.
O que eu comprei na hora do almoço já foi todo :)

Com os 50º que estão na rua


Era isto que eu parecia quando cheguei do almoço!

Há pessoas que são como o vinho do Porto







Sempre fui fã do David Bisbal, mas lá no fundo no fundo, o meu fraquinho sempre foi o David Bustamante... o que este menino cresceu :)

Look


Está um calor de meter medo, e eu tinha lá em casa uma camisola de manga curta preta (porque optei por usar pretos uns dias) com este decote nas costas.

Olha, vai daí foi juntar o útil ao agradável...

Então olha, a coisa hoje foi mesmo assim!

16 julho 2012

O que realmente importa


Numa semana resolvi fazer as pazes com duas pessoas com quem me tinha chateado estupidamente.
Achei que não fazia mais sentido, e que há coisas mais importantes na vida mesmo.

Há outras que ainda não sou capaz de resolver, que ainda não sei o que dizer, que não sei como resolver...

Mas acho que já é um bom começo. Quero avançar com a minha vida e não quero deixar nada pendente. Quando começar, serei uma pessoa melhor de certeza.

Ó coisa boa


Há quatro dias que não metia os pézinhos à estrada (entenda-se correr ou caminhar).
Hoje lá fui eu, a pensar que a coisa ia devagar... pois, não fosse eu como sou comecei logo a correr como se não houvesse amanhã.

Das 2 horas e qualquer coisa que andei, pelo menos 30 foram feitas a correr, e 20 desses foram feitos seguidinhos sem parar.
Quando acabei de correr parecia as Cataratas do Niagara!
Soube tão bem...

Cheguei a casa e comi uma sopinha de legumes.
Aquelas calças que estão no armário que me aguardem... na próxima semana (se continuar assim) não me escapam! Vão parecer uma luva...

Post com destino

Boas mudanças


Sapatilhas, eu gosto é de sapatilhas. No entanto no outro dia resolvi comprar umas sandálias de cunha que se revelaram a coisa mais confortável do mundo.

Para além disso (e talvez por causa da mudança drástica) o feedback das pessoas foi muito bom, e como até tive uns elogios agradáveis, vai daí resolvi comprar um segundo par.

Hoje o meu chefe disse-me "está tão alta... parece o Golias!!" (eu tenho de rasos 1,70m, com estas meninas vou para cima do 1,80m)... Já a nossa secretária teve a gentileza de me dizer que fico "um mulherão" em cima disto, ainda por cima mais magra... Pois bem, sapatilhinhas, ides ficar no armário por uns dias ;)

O meu coração mole


Sou uma pessoa assumidamente de cães... mas esta semana dei por mim a comprar comida para um gatinho preto pequenino vadio que não pára de ir miar para a minha janela.

Decisões que nunca tomo


Hoje voltei ao trabalho, os meus dias voltaram à normalidade. É bom sentir que afinal muita gente daqui gosta de mim e que eu existo para elas. Sabe bem...

Volto às caminhadas/corrida logo, eu sozinha com os meus phones e o meu querido Rio Douro de paisagem.

Aconteceram algumas coisas más por estes dias, que eu esperei que me dessem coragem para mudar de casa de vez, mas acho que essa coragem nunca vais chegar, então tenho algumas amigas a meu pedido a darem-me o empurrão que eu preciso. Vi uma que gostei muito, mas ainda a um preço que não é bem o que eu esperava.

Mas tenho de mudar de casa! Tenho!
(Quem me conhece já me ouve dizer isto há anos) :(


Desenho do dia

15 julho 2012

Para acabar a história

Enquanto arrumavam todos os documentos da minha avó nestes dias, deram com um pequeno porta moeda que ela usava.

Lá dentro encontraram uma foto do meu tio (do que tomava conta dela) e uma outra  - minha...

Soube-o depois do fineral. O meu coração ficou apertadinho... e os meus olhos cheios de lágrimas.

14 julho 2012

Antoine de Saint-Exupéry


"-Um dia eu vi o sol se pôr quarenta e três vezes!
E um pouco mais tarde acrescentaste:
- Quando a gente está triste demais, gosta do pôr-do-sol...
- Estavas tão triste assim no dia dos quarenta e três?
Mas o principezinho não respondeu."

O Principezinho

Sem desenho

Não tem havidos desenhos :(

Dos meus dias

Foram dois dias muito difíceis. Não foi só pela morte da minha avó enm pelo funeral mas por umas tantas outras coisas pelo meio.

Tenho vontade de dormir muitas horas, porque foram poucas as que dormi.

Sinto-me cansada e farta de tanta coisa, tenho de tomar uma decisão muito importante de vez, sinto a minha sanidade ir-se.

Uma coisa boa, várias pessoas que se manifestaram e estiveram lá nestes dias que eu não esperava. Outras que gostava que estivessem não estiveram. Assim é a vida, há que avançar para a frente.

Amanhã é outro dia.

12 julho 2012

Adeus Avó

11 julho 2012

Avó



Quando era criança, lembro-me que a minha avó (paterna) era bastante mázinha para mim, olhava para ela e vi-a uma bruxa má mesmo.

Somos crianças mas mesmo assim conseguimos perceber muitas coisas e eu sempre percebi que a minha vó nunca gostou de mim (não sei porquê, nunca percebi, não interessa). Ela tinha os netos preferidos, mas eu nem era não ser preferida, ela tinha um stress qualquer comigo, ponto.

Lembro-me que levei ainda algumas tareias porque ela assim ajudava. "Regava" sempre um bocadinho o meu mau comportamento e a minha mãe, toma lá aqui vai disto umas lambadas para a próxima aprenderes (eu era a criança mais tótó do mundo devo dizer).

Um dia ela teve uma trombose e ficou acamada. Foi preciso ajuda de tudo e de todos e eu também fui lá aqui e ali dar-lhe de comer, ajudar a dar banho, enfim...
Confesso que nunca gostei dela, mas isso transformou-se em pena depois e enfim, nunca se nega ajuda a ninguém.

Um dia, sem mais nem menos, já quando mal falava, e mal se mexia e mal tudo, apertou-me a mão com força e olhou para mim de uma forma que nunca hei-de esquecer.

Passaram anos e um dos meus tios tomou conta dela entretanto. Ontem ligaram-me que ela estava em fase terminal no hospital. Fui lá tarde da noite e esgueirei-me pelo hospital e lá consegui chegar até ela.

Não tinha nada de bruxa má, não tinha nada de... nada, era só uma velhinha irreconhecivel e num fim quase muito triste. Dizem que já não conhece ninguém, não fala, é alimentada por tubos, não se mexe. Ontem, olhou para mim e abriu muito os olhos, tentou articular uma palavra mas só saiu um grunhido quase. Era eu que estava lá, não era nenhum dos netos preferidos, não era ninguém, era eu!

Sei que não vai durar muito tempo, mas ontem percebi o que já há muito sabia. Não adianta ser má, ou ter rancor, ou ser uma bruxa ou seja lá o que for, um dia acabamos todos assim, uns sozinhos outros não.

Disse-lhe muito baixinho " Eu gosto de ti, não te preocupes, podes ir em paz!".

Só ontem percebi que gosto dela...